You can scroll the shelf using and keys

Uia, dezenas de gordos

29 de March de 2011

Ok, tem uma montanha de gente gorda querendo emagrecer. Sério que eu não imaginei que receberia tantos emails.

Vamos levar a coisa a diante.

Pra isso, é importante que fique estabelecido que: eu não sou nutricionista ou médica e entendo que seria uma puta irresponsabilidade me meter a receitar qualquer coisa. É importante também que vocês tenham certeza que são/estão gordos porque comem demais. E não por um outro problema de saúde.

Como eu pretendo ajudar vocês e me ajudar? Sendo honesta e afirmando o óbvio. O básico, que eu espero provoque uma mudança.

Comemos demais. Shiu, chega, é isso. No meu caso comia demais e bebia cerveja demais. Àlcool engorda. MUITO. Te deixa inchado e tira freios e estabilidade que precisamos ter pra enfrentar esse martírio. Acho seguro afirmar então, mesmo não sendo médica, que é melhor PARAR de beber por algumas semanas. Caso você não consiga parar de beber por algumas semanas, talvez você seja alcoólatra e minha recomendação é tratar isso antes de tratar o sobrepeso.

Caso você seja um gordo beberrão teimoso mas não viciado, poder ser também caso de procurar um médico e pedir: me salva seu lindo. Porque a coisa não tá indo bem por aí não.

Ok, ficou decidido que é melhor parar de beber por uns tempos. Álcool. Água a gente tem que começar a beber. Digo começar porque conheço muita gente que passa DIAS, na base do refrigerante diet, sucos e etc. Beber mais água entre as refeições. Durante, beber no máximo 1 copo.

Num primeiro momento, CORTAR guloseimas. Todo mundo adulto, todo mundo sabe do que eu tô falando. Não vem com essa de NÃO SEI PORQUE SOU GORDO. A gente sabe. A gente mente e adia as mudanças. Só mais um sorvete, só mais um chocolate, só mais uma coxinha. Sabe o que a gente adia com essa atitude? O início do resto da nossa vida. Aquela parte gostosa que a gente imagina que deve ser viver sem se achar uma merda.

Eu racionalizei esse momento salada+grelhado da seguinte forma: até os 30 anos eu comi todas as coisas deliciosas que eu quis, na quantidade que eu consegui. Esgotei a minha cota. Agora sobrou no meu futuro imediato toda a salada que eu evitei comer durante esses anos todos. Daqui a um tempo, eu volto a poder comer coisas gostosas. Com cuidado pra não ter que voltar a viver no mundo da salada.

Alimentação: carne magra, pouco carboidrato, legumes e fibras. Salada de folhas e tomate à vontade. Eu sei que salada não é uma delicia, mas não vai te matar de gordo, olha que coisa boa.

Atividades físicas: faremos. Nem que seja uma coisa mínima como passear com o cachorro por um quarteirão a mais. Desenferruja.

Sim, estou sendo cruel. É o que a gente precisa ouvir. Sério, a vida tá aí passando e a gente aqui perdendo tempo sendo covarde e não enfrentando a realidade. Chega disso. Vamos? Vamos. Não segunda, não amanhã, não depois da Páscoa. Hoje. Agora.

Não importa se são 5 ou 50 quilos, mudar é difícil. Não precisa alardear ou fazer promessas. É só não comer essa barra de chocolate que está na sua gaveta. É só não aceitar a cervejinha no final do dia. A gente consegue. Se eu estou conseguindo, todo mundo consegue.

Fat days are over.

Meu e-mail segue a disposição. Se a coisa apertar corre pra longe da comida, entra no computador e me escreve. Enquanto conseguir vou respondendo individualmente, a hora em que apertar formo o grupo e todo mundo se ajuda. carolinaminhafilha@gmail.com

What do you think?

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

hum que delicia

vandinho

2 de April de 2011

oi?

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

tamu junto, minha filha! to na luta há algumas centenas de dias mas, tenho a personalidade meio sem vergonha e ainda não alcancei o sucesso. Vou adorar te acompanhar nessa cruzada. (áh, amei a clarissa… muito!)

renata

31 de March de 2011

Renata, para de besteira, só fazer.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Emagreci e fiquei burro: 103-89=14.
Ok… falta açúcar no “céleblo”

Rodrigo

31 de March de 2011

ahahahhahaha

te deixo dizer que foram 15.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Excelente! Eu tive esse “click” no ano passado, e perdi 15 quilos em 9 meses(de 103 passei para 89, e tenho 1,81m). Todo gordo é safado, costumo dizer. Essa história de hormônio, tireóide e bla-bla-bla deve corresponder a 0,1% dos gordos. O resto é obeso porque come muito mesmo. Pela minha experiência você está no caminho certo. Parabéns!

Rodrigo

31 de March de 2011

Obrigada pela força Rodrigo, parabéns.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Carol! Bendita seja! Tem que ter muita força de vontade pra trocar os pequenos prazeres momentâneos (e recheados de culpa) pelo prazer a longo prazo, de entrar naquela calça jeans que tá lá no fundo do armário há tanto tempo que vc já a considera peça de museu! Depois de relutar, eu e meu marido entramos numa dieta correta, orientada por um Médico Ortomolecular (tks Lelê!) que está mudando radicalmente nossa maneira de pensar sobre a função da comida em nossa vida. Ficamos impressionados em como comemos por impulso, por ansiedade, por não estar fazendo nada no momento…pensar antes de comer algo, nas metas que queremos alcançar faz muuuita diferença…não vou mentir: sinto muuuita falta de carboidrato, muito mais do que de doce, coisa que nunca imaginei na vida, mas tô segurnado a onda, apesar de algumas pequenas recaídas, que me fazem sentir humana, no fim das contas. Pra mim, ainda está na mesma vibe do AA: um dia de cada vez!!! Segunda vou me presentear com uma refeição livre num restaurante que adoro, com massa…mas integral, que fique claro! Ah, e sem refrigerante!

Andrea Boldrim

30 de March de 2011

Oi Andrea, força aí.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Ai, acho ótimo isso… tb estou dietando no momento! Estava com enormes 114,4 Kg no dia 02/03, e até o dia 26/04, estava com lindinhos 107,6 Kg… sim, 6,800 kg a menos… e acredite: se eu estou conseguindo, qquer um consegue! DOu o maior apoio e quero entrar no grupo se ele se concretizar! Bjo

Juliana

30 de March de 2011

Isso Juliano. Vc vai entrar sim. Só eu me ajeitar aqui com o ritmo de trabalho pós BBB.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Falou tudo o que eu penso sobre engordar ou emagrecer. Tudo depende de atitude, não adianta jogar a culpa em qualquer outra coisa. Sei bem o que você e tanta gente que te mandou e-mail está sentindo. Criei um blog para me ajudar nesse processo de mudança… Não é fácil, mas também não é impossível.

Fiel da Balança

30 de March de 2011

Impossível é evitar a morte. De resto, pra tudo tem um jeito.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Ai q bom!to feliz por poder conversar sobre isso. sabe, a minha família é toda gorda,família de italiano. ntão,toda vez q eu falo q tô de regime eu escuto:mas vc não é gorda! como se os 10 kg q eu engordei estivessem me fazebdo um favor. Acho q eu sou viciada em comida.Sério. Essa parte do “só mais um”,se encaixa perfeitamente. Me digo isso todo dia. Mas, vamos lá,HOJE, eu não como mais guloseimas. Só por hoje,amanhã eu começo de novo.Um dia de cada vez.

Livia

30 de March de 2011

Começou? Como tá indo aí?

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Eu tentarei embarcar nesse trem, mas está difícil!Estou sem empregada e ninguém aqui em casa(tenho duas filhas 14 e 8 anos)come saladas ou verduras(exceto eu, e gosto!). Afinal,gosto tanto de comer que vou de verduras, legumes e grelhados a cozido, salgadinhos, pizza, vinho , cerveja, chocolate, ah chocolate…Enfim meu marido:uma mala que diz p/minhas filhas que eu como”mato”,que é a favor do verde, logo eles devem ficar na natureza, enfim essas pérolas, é quem faz as compras de supermercado! Então tenho que comprar td dps e pouco p/não estragar e minha comida é dez!Enfim como já disse antes,sempre fui magra comendo “horrores” até meu problema na coluna+corticóides+não poder me exercitar(+repentinos problemas de$$)+ 20kgs nos 2 last years, então é difícil parar de comer…Mas vamos nessa galerinha!

Christine

30 de March de 2011

Respira, se acalma e diz em voz alta: CHEGA DESSA MERDA.

Aprendi com a Clara Averbuck. Funciona.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Muito bom seu post. Acho que vc disse tudo numa linguagem super simples. Parabéns!

Rosimary

30 de March de 2011

Pois é, adorei o post e tudo mais. A dieta começa hoje, sem aguardar a segunda feira, sem esperar acordar…. mas aí veio a final do big brother, e eu me afundei na cerva. Pois, é… cada dia uma desculpa, mas essa foi a ultima, I swear!

Isa

29 de March de 2011

Sigo firme aqui, tá firme aí? Bjo.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Been there, done that. Foda, fuck, cu! Mas uma hora vai e vai ser uma das melhores sensaçoes do mundo!
Nada como ter q comprar roupas pq as suas estao largas! Nao tem magica: é matemático – a soma do q você ingere tem q ser menor do q você gasta… Infelizmente por na pratica ja nao e tao simples assim!
Na torcida, orgulhoso por estar tentando!
Bjs

guelo

29 de March de 2011

Sempre lembro de vc Marcelo. Exemplo vivo de que o mundo dá voltas.
Bjo, te amo.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Você tem TODA razão. Tenho uma amiga que sempre diz : “Hum preto emagrece”. É o KCT, o que emagrece é regime, e branco não engorda, o que engorda é comida. Eu gosto de comer, mesmo. Sempre curti uma cervejinha. Mas desde que eu manerei (manerei significa só tomo ums 3 ou 4 qdo vou na balada e olhe lá q quese num vou), emagreci, sem fazer regime, 7 kilos.
É bom também ter em mente a força das palavras. Se a gente fala perder peso, o cérebro logo pensa, “ops, tenho que encontrar”. Então não custa mudar esse hábito tbm. Quero Emagrecer, num quero perder nada. Quero ganhar: saúde, sexo, conforto, beleza, roupas na seção feminina e não nas lojas big size, etc…
Bj Sua Linda, não desanima daí que eu não desanimo daqui.

Daniela

29 de March de 2011

Não desanimaremos, pode deixar.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

own, já fui em nutricionista, endocrinologista e minha irmã faz nutrição (santo de casa não faz milagre MESMO!), e nada adiantou! Falta de força de vontade! Mas como disse no email, acredito na força da coletividade, por isso, tô crendo que esse trem (sou mineira) vai dar certo, sô!
Adoro tomar cerveja, gosto demais! Minha última nutricionista dizia que se eu quisesse tomar uma latinha era para substituir o jantar (ela desconsiderava que 1 latinha nunca é suficiente e sem comer era bem provável que o resultado fosse um coma alcoólico!), o que não achei muito inteligente, mas enfim, ela não bebe (e é magra, muito magra!). De fato, quando a gente bebe pensa que parar no rodízio de massas (em BH tem dois famosos 24h) às 2h da manhã é de boa! Isso é foda! Aliás, BH tem muito buteco! Mas enfim, acho que rola de tomar uma cerveja, de leve, no fim de semana, que cêis acham?! heim?! Pode?!
No mais, penso em compartilharmos nossas experiências e angústias! Minha meta é perder 1kg de cada vez (filosofia de AA adaptada para gordinhos)!
Tamo junto!

Evelin Nascimento

29 de March de 2011

Gente. Não sou nutricionista ma sisso não me pareceu muito correto não…

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Opa! Tbem quero! Tbem preciso dessa dieta aí. E, olha só, tô preferindo dietar com vc do q com qquer outro médico ou nutricionista. Vc é beeeem mais razoável!
Bjos,
Camila

Camila

29 de March de 2011

Então vem Camila. Logo menos pinta o grupo.
Bjo!

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Interessante que vai ter Sipat aqui no trabalho e tema é justamente esse, qualidade de vida, boa alimentação, exercicios e blablabla.

Emerson

29 de March de 2011

Prestenção, vc pode precisar.🙂
Bjo!

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

nem f*d*nd* paro com minha breja. mas a mudança no prato, a inclusão de bastante fruta na dieta e umas boas caminhadas de 1 hora pelo menos 3 vezes por semana estão trazendo um belo resultado.

chileko

29 de March de 2011

Se a cerveja diária é tão indispensável assim, aumente os exercícios.

Bjo!

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Carolina, é verdade… tem que ser duro mesmo… Vou começar!! No meu exame não era refluxo! Então não vou mais abusar da minha sorte! rsrs

Natércia

29 de March de 2011

Que bom! Se cuida.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Sensacional Carol, comecei ontem, e é claro que hj vou oferecer um jantar na minha casa… Fiz 2 sobremesas, que não vou comer, salada, carne ( que será meu jantar), e o resto pros magros. Pecarei tomando meio cálice de vinho tinto. Vâmo que vâmo! Bjs!

Deborah

29 de March de 2011

Isso, não desanima e se controla. Vai ficar tudo bem.

Bjo.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Muito bem colocado! Não importa se são 5 ou 50! Huahauahauahauahaau
Gostei do post.
Como sempre, muito bom!

RodrigoImori

29 de March de 2011

Obrigada!

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

own Carol, sua linda. Vc é psicóloga, bem? Adorei esse post. Vamos lá… nós conseguimos! =*

Ana

29 de March de 2011

ahhahahhahahhahahahha

só se for da terapia do joelhaço🙂

Bjo!

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

%d bloggers like this: