You can scroll the shelf using and keys

Dietaremos

28 de March de 2011

Muita gente me falando por e-mail, facebook e etc que também tem que emagrecer e que tem dificuldade.

Tô pensando em além de contar minhas peripécias por aqui, criar um grupo de discussão por e-mail. Que vocês acham? Deixem comentários ou me escrevam. carolinaminhafilha@gmail.com

Eu sei que é difícil e constrangedor ser gorda(gordo) e que a gente precisa de incentivo e muletas psicológicas. Principalmente quem assim como eu tem um longo período de dieta pela frente.

Restrição é uma merda. Ter que mudar tudo é uma merda. Viver imaginando o que seria diferente, melhor ou mais fácil é uma merda maior ainda. E eu fico imaginando que roupas eu usaria, ou que vida eu levaria se me sentisse a vontade e em paz com o meu corpo. O tempo todo. É horrível isso.

E é difícil mudar hábitos, manias, sedentarismo e sair da nossa pesada e desconfortável zona de conforto. Mas a gente consegue. Tem que conseguir. Ou vai morrer antes da hora e sem ter sido tudo que poderia ser.

Quem anima? Vamo? Então vamo.

What do you think?

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

Um de meus maiores problemas é nunca ter tido problema comendo muito!Joguei volei desde sempre, gosto de exercícios, mas estou com um grave problema na coluna e não posso fazer quase nada,nem caminhar,nem hidro! O médico deixou natação,tentei,mas depois de dois anos parada de tudo só aguentei 10 min.Por isso tenho que nadar só, sem aula, o que dificulta, e a preguiça aumenta juntamente com as desculpas p/não ir…E tenho que emagrecer p/a coluna melhorar.

Christine

30 de March de 2011

Então emagreça. É só fazer.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Eu de novo Carolina!Pior é ter um guarda roupa enorme cheio de roupas:que não cabem!As que cabem, não são tão legais, afinal sabe como é, comprar roupa sendo alta e gordinha…(vc é “grande” Christine não gorda)Que ódio, odeio ouvir isso!Vai comprar roupa!Minhas calças todas eram 38/40 e tenho 1,75m, agora uso mais vestidos, uma calça jeans (c/lycra!)46,coisas assim.Minha filha mais velha(fez 15 agora e tem 1,80m “amando meu guarda roupa”!) Sem falar que cada kg nos envelhece em quase 1 ano…Tenho 42,me dão 36/37, há dois anos(20kg a menos) não me davam 30…Help galera!

Christine

30 de March de 2011

Vai ficar tudo bem. Tranca a boca e tenta levar uma vida mais ativa.

1/2 Carolina Mendes

5 de April de 2011

Lívia, te entendo! 10 kg a mais chegando aos 30! Um horror!
Tõ dentro demais desse grupo, quero e preciso!
bjs

Evelin Nascimento

29 de March de 2011

Todos precisa.

1/2 Carolina Mendes

29 de March de 2011

Pega na minha mão e me leva junto, pq olha… tô passando por isso, e não sei mais o que fazer. Nunca pensei que fosse tão difícil. Cansei de não ver a vida lá fora. Quando começamos? =D

Renata

29 de March de 2011

Agora.
Nada de esperar chegar o dia.

Começamos agora.

1/2 Carolina Mendes

29 de March de 2011

Oi!!Quero muito participar. Sempre fui cheinha,mas nunca gooorda. Em fases de regime cheguei a ficar bem do jeito q eu queria. Mas é uma bosta PRECISAR de disciplina. Resultado:chegando nos 30,umas reações esquisitíssimas a alguns anticoncepcionais, uma fome monstra, uma TPM de outro mundo e 10 kg a mais. HELP!

Livia

29 de March de 2011

Helpo, calma.

1/2 Carolina Mendes

29 de March de 2011

Nossa, o 4º parágrafo me acerta em cheio,he.

Determino que tal dia começo o regime e só vou comer coisas lights, ai basta uma bala a mais, que ja desisto de tudo e deixo pro outro dia e assim vai acontecendo pelos últimos 4 anos…

Pra mim o pior é a restrição de certos alimentos mesmo. Comer é uma atividade sobretudo prazerosa, e nunca que qualquer vegetal que seja vai ser tão bom quanto uma caixa de bis. É óbvio, mas ai que tá o problema.

Emerson

29 de March de 2011

O problema tá em vc.

Quando a gente faz de comer o único prazer da vida, tá agindo de forma doentia.

E tá deixando de lado uma imensidão de coisas igualmente prazerosas.

1/2 Carolina Mendes

29 de March de 2011

Eu querooooooo! Tá muito difícil pra mim! Sonho com coisas proibidas o dia todo ( e o pior q não tem nada a ver com coisas sensuais, viu?)

Andrea Boldrim

28 de March de 2011

Calma, vamo junto.

1/2 Carolina Mendes

29 de March de 2011

vai ignorar meu conselho de novo ou vai ler isso de cabo a rabo? (http://www.fourmilab.ch/hackdiet/e4/). foi o que me fez perder os 12 kg que eu queria. bjo

luisimperator

28 de March de 2011

Não briga comigo.
🙂

Sou atrapalhada mesmo, não faço por mal.

1/2 Carolina Mendes

28 de March de 2011

Poxa, eu tava só espiando seus posts, sem coragem de pedir pra você detalhar mais a sua dieta e/ ou falar mais sobre o assunto.
Quero dietar com você e quem mais estiver disposto a dividir esse sacrifício, porque, sozinha, não tá dando não.
Beijos, bom Polenguinho Light pra nós. \o/

Bianca

28 de March de 2011

ahahhahahaha
muito polenguinho light

1/2 Carolina Mendes

28 de March de 2011

Carolina, seria muitíssimo interessante saber mais sobre suas motivações para emagrecer, dicas, etc.. Eu participaria desse grupo de discussões, com certeza.
Abçs, Cris

Cris

28 de March de 2011

Cris, vou te incluir no grupo.
Bjo!

1/2 Carolina Mendes

28 de March de 2011

Tô totalmente dentro! Entrei na academia, agora só falta fechar a boca e, pra isso, todas as formas de incentivo e “muletas psicológicas” – em suas palavras – são válidas!

Mariana Leite

28 de March de 2011

Pra mim o dificil é a parte de fazer exercício.

1/2 Carolina Mendes

28 de March de 2011

topo! ah sim, no meu caso, ter uma irmã que come tudo e é muito magro também é uma merda!
beijos beijos beijos

Karina

28 de March de 2011

Vou incluir seu email. Bjo.

1/2 Carolina Mendes

28 de March de 2011

Apoiada! A única vez que consegui emagrecer foi quando meu marido enfeitou meu cranio, se é que vc me entende…

Andreica

28 de March de 2011

Vamos resolver isso aí.
bjo

1/2 Carolina Mendes

28 de March de 2011

%d bloggers like this: