You can scroll the shelf using and keys

Mea culpa

17 de August de 2010

Eu perdi o jogo da Lusa no sábado, e a Lusa perdeu.

Não só o jogo, esqueci do aniversário de 90 anos no sábado.

Se vale de atenuante, também não vi o empate do SPFC no domingo.

Traidora, negligente, beberrona e descuidada. Tudo verdade. Não tava na frente da TV pra impedir o pior, e o pior aconteceu. De qualquer forma, vai ficar tudo bem. Confio em vocês, rapazes (médio).

Muita gente anda brigando comigo por causa dessa história da Portuguesa. Parece que eu tenho que ignorar e esquecer completamente o SPFC e assumir a Lusa, ou negar o novo time e torcer pro antigo me aceitar de volta. Engraçado isso.

As pessoas com quem eu converso, na maioria homens, não admitem a possibilidade de atualmente dois times me interessarem e despertarem crises de choro, ódio e taquicardia. Parece que é incompatível com minha adoração pelo futebol ou minha condição humana. Sinto informar que do mesmo modo que vocês admitem amar mais de uma mulher ao mesmo tempo, eu sou sim capaz de amar a Portuguesa e o São Paulo ao mesmo tempo. Acredito que essa reviravolta no meu coração e o prazer que a Lusa me trouxe, me fizeram voltar a assistir os jogos do SPFC com amor e devoção.

Estava meio farta e com a nítida sensação que o SPFC está se tornando uma outra coisa, um projeto da diretoria de criar uma máquina de dinheiro, cagando pro MEU amor. Tenho uma teoria, de que o Juvenal Juvêncio tem uma plano a longo prazo de transformar o SPFC no time mais odiado do mundo. Triste isso.

Enfim, eu sei que não é a mesma coisa, que parece absurdo, que time é coisa séria e que muita gente vai xilicar, mas tô mesmo torcendo pra dois times. E aguardo convites pra botecagens, jogos ao vivo e participações especiais em eventos relacionados aos dois times. Entenderam? Dos dois times.

É muito amor gente, amor DEMAIS. Como lidar?

Capítulo anterior aqui!

What do you think?

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

Olha, não sei se a intenção do J.J. é realmente essa. Sei que o meu voto ele já tem!

diogo

18 de August de 2010

Estou à procura de sua foto disfarçada dançando o “vira” no Baile da Lusa. Acharei ?

geraldo maia

17 de August de 2010

Nunca, jamais.

1/2 Carolina Mendes

17 de August de 2010

Amar a dois ao mesmo tempo já é complicado; amor ao corinthians é sanatório geral !

geraldo maia

17 de August de 2010

Minha mãe diz amor de corithiano só acaba qdo o torcedor morre.

1/2 Carolina Mendes

17 de August de 2010

Não, não consigo entender. Por isto: http://www.fotolog.com.br/fvanzo/38672472

Fábio Vanzo

17 de August de 2010

Eu entendo que você não consegue entender. Pensarei a respeito do amor dos Corinthianos, futuramente. Me ajuda?

1/2 Carolina Mendes

17 de August de 2010

Ajudo, claro. Mas já aviso que o Todo-Poderoso é um caminho sem volta. uma vez conhecido, para sempre apaixonada.

Fábio Vanzo

18 de August de 2010

%d bloggers like this: