You can scroll the shelf using and keys

Porque é domingo

29 de June de 2009 ,

Trago notícias do mundo real. Sim, o mundo que acontece fora do Blog e do Twitter. Fora da BBC news e UOL notícias.

Leu o título? Não postei ontem porque era domingo.

Porque era domingo fui com meu irmão ver o jogo do Brasil em um bar da Vila Madalena achei que seria interessante. Interessante foi descobrir coisas que me irritam aos domingos:

Jogo de futebol de times que atraem não iniciados no assunto,
Ir a bar na Vila Madalena virar programa,
Chopp Brahma mal tirado,
Bar que tem os banheiros no segundo andar,
Banheiros de bar que ficam com o cesto de lixo transbordando e ninguém limpa,
Mulheres que monopolizam o espelho e a pia pra ficar passando MAIS rímel, bêbadas,
Gente que zica os gols gritando GOL antes da hora,
Mulher de voz estridente que fala alto,
Garçom que derruba coisas,
Mulheres que acham que entendem de futebol, não param de narrar o jogo e de falar o óbvio,
Gente que não cala a boca nunca, perde o gol e grita SHIU! no Replay,
Gente de outra mesa que na hora de comemorar o gol vem pra me abraçar,
Travessas grandes de petisco em mesas pequenas,
Bar que vende cerveja cara mas não treina os garçons direito,
Guardador de carro,
Sistema de som ambiente potente mal regulado,
Banheiro que tem listerine e não tem sabonete,
Mesas que atrapalham a passagem,
Mulheres que ficam jogando os cabelos soltos de um lado pro outro depois que a comida chegou,
Gente que boceja na mesa mas continua pedindo mais cervejas,
Manobristas batendo papo na calçada atrapalhando a passagem,
Pedir um copo a mais e ele vir molhado,
Cheiro de picanha na chapa que fica dentro de todos os poros do meu ser,
Mulheres que gritam LINDO qdo aparece o Kaká,
Perceber como os americanos são mais bonitões que os brasileiros,
Sorrir pro bonitão do bar, ele sorrir de volta e no caminho do banheiro o amigo feio dele puxar assunto,
Beber na esperança da noite melhorar e só conseguir com isso encurtar sua paciência,
Botar a cabeça no travesseiro e perceber que devia ter voltado pra casa muito antes.

A lei anti Tabagismo

Pub Mulligan´s no sábado a noite.
Completamente as moscas, perguntamos se onde se podia fumar. A moçoila respondeu que a área de fumantes era o andar superior e as mesas na calçada. Como o andar superior ainda estava fechado, teríamos que sentar na parte externa, na chuva. Como a casa estava vazia, perguntamos se não poderíamos sentar perto de uma janela e assim que outros clientes chegassem, pararíamos de fumar. A moça, muito politizada e exercendo a autoridade que lhe cabia respondeu que Não podíamos fumar ali e que era bom para a nossa saúde. Foi além, esclareceu que a proibição também existe para poupar a saúde dos funcionários de bares, restaurantes e casas noturnas.

Aqui surge minha observação. Esse pessoal que de vez em quando se torna tão consciente de seus direitos e do efeito que os atos de uma pessoa tem na vida de outras, devia abrir os olhos e ser assim exigentes em relação a outros aspectos de suas vidas. Comam alimentos orgânicos, evitem fritura, não façam mais alisamento nos cabelos (faz mal!!!!). Exijam melhor transporte coletivo, menos horas no trânsito, se alimentem melhor, exijam melhores escolas, um sistema judicial eficaz, que os políticos trabalhem, que meu uísque venha no copo certo, que eles não troquem os pedidos e o peixe não venha passado demais. Quando o mundo funcionar com esse civilidade e perfeição, eu apago meu cigarro. Apago meu cigarro na minha língua e coloco a foto aqui no blog.

Novos interesses ou, mais novos interessantes

Definitivamente não encontro mais naturalidade na maioria das relações antigas, tudo virou um esforço que nem é tão grande assim mas não compensa. Minha vida virou um par de pantufas velhas que era confortável mas que agora, com os desgastes e os furos, nem confortável é. É feia, sem graça, velha e fria. Tô procurando novas pessoas, novos lugares, novos amores.

Num mundo de ninfetinhas com bota de cano alto que falam alto para serem percebidas, está ficando cada vez mais difícil anda por aí observando os outros, sem salto, sem gloss e sem pó bronzeador nas maçãs do rosto. Começo discussões na esperança de algo que me faça tirar essas pantufas e voltar aos meus scarpins mas nunca acontece nada, então eu relaxo e deixo a outra pessoa falar. Fale meu filho, eu te escuto. E você? Se escuta?

Tenho explorado novos horizontes, conhecido novas pessoas e freqüentando novos lugares. Vamos ver se tem um pote de ouro no fim deste arco- íris.

Segundona de sol, mas esse dia bonito não poderia estar mais distante do meu estado de espírito. To exausta e com a cabeça a mil tentando resolver problemas (sempre eles).

Pára tudo que eu quero descer.

Amanha volto pra política, hoje precisava resmungar.

Beijo!

What do you think?

Please keep your comments polite and on-topic.

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

comments

Dudo. Na boca.

carolina

2 de July de 2009

Olá Esponja. Para sua decepção está tudo muito bem -malho muito, não tenho colesterol, não sou calvo e vivo de renda.

Anonymous

2 de July de 2009

Bom dia Ano. Dormiu bem? Sempre um prazer te ver por aqui. E o colesterol tá em ordem? Barriguinha, calvície,ex-esposa, emprego… Tudo brilhando?

carolina

2 de July de 2009

ahahahahaha, arrumei um clone meia boca made in China. Deve ser outro que tem o fígado esponja e o pulmão carbonizado.

Anonymous

2 de July de 2009

Acho que os anônimos que me avacalham estão brigando entre si. Fantástico.

carolina

2 de July de 2009

eu já não acredito em pessoas meio feias. no caso, vc deve ser um horror pra criticar os outros e ~ficar meio escondido

Anonymous

2 de July de 2009

Google Analytics agradece sua visita diária Anônimo. E sim, EU só fumo qdo bebo.

carolina

1 de July de 2009

Não tem essa de que só fumo quando bebo. Existe por caso meio virgem? meia fome? meia maldade? meio alcóolatra? meio viciado em crack?Obrigado, você me pergunta por quê continuo lendo? bem, acho que sou masoquista,assim como você que adora caçar uma sarninha pra se coçar…

Anonymous

1 de July de 2009

Junior: Olá! Obrigada por ler.Anônimo: Não sou fumante não, só fumo qdo bebo. Obrigada por ler oq eu escrevo. Aqui aceitamos tbém os cliques dos anônimos. Numbers baby…

carolina

30 de June de 2009

só pra dizer um oi.😉

Junior

30 de June de 2009

Sabia que voce era uma fumante. Chata assim e fumando desse jeito, melhor fazer o testamento.

Anonymous

30 de June de 2009

Eu nunca seria lésbica, mulheres são criaturas estranhas.

carolina

29 de June de 2009

Uma coisa que eu aprendi depois de assistir jogos de futebol com mulheres: nunca ensine a elas a frase "está faltando triangulação".

Tiago Germano

29 de June de 2009

%d bloggers like this: